Cozinhar tem ciência!

Um grupo de investigadores da Universidade do Minho e de Lisboa anda a desvendar todos os segredos culinários dos monges de Braga na cozinha.

“O segredo de um bom arroz doce? “Está no tipo arroz usado”, explica Margarida Guerreiro ao jornal Público. Mais do que os ovos ou o leite, é o cereal que dá a característica certa a esta sobremesa que fazia as delícias dos religiosos de Tibães.

Quanto mais baixo o teor de amilose, uma das moléculas do amido presente neste cereal, mais cremoso ficará o doce, como acontece, por exemplo, com o arroz carolino, um grão com características “excelentes” para este efeito. Tanto mais que é comum em Portugal, e, muito provavelmente, terá sido o tipo de arroz usado com maior abundância pelos monges do mosteiro de Braga.”

Muitas pessoas não sabem mas a verdade é que cozinhar tem muitaaaa ciência!

Sabias que se utilizam bactérias na produção de alimentos e que por detrás das tuas refeições preferidas há muitas reações químicas a acontecer ao mesmo tempo? Gostavas de aprender a fazer gomas, pizza e até gelado instantâneo?
Se te queres tornar num Chef Cientista e aprender tudo sobre o mundo da culinária, procura o kit Cozinha com Ciência na tua loja Science4you!

 

';

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *