Como surgiu o Dia das Mentiras?

Dia 1 de Abril:

Mais conhecido como o dia das mentiras é o dia preferido das pessoas que gostam de pregar partidas aos seus amigos. Sabes qual é a sua origem Cientista?

 

O Dia das Mentiras surgiu em França, no século XVI. Até à data, os Franceses guiavam-se pelo calendário Juliano, ou seja celebravam a passagem de ano no dia 1 de Abril. Mas em 1564, o rei D. Carlos IX incutiu o calendário Gregoriano, o que utilizamos na atualidade, onde a passagem de ano é celebrada no dia 1 de Janeiro, como é de conhecimento de todos.

Esta mudança trouxe alguns protestos, pois nem toda a população estava de acordo e, naquela altura, os meios de comunicação não eram tão rápidos e eficazes como nos dias de hoje o que fez com que grande parte da população não soubesse desta mudança imposta pelo Rei. Estas últimas, tornaram-se alvos de partidas provocadas por pessoas que estavam informadas, recebendo convites para festas de Ano Novo, que se iriam realizar no dia 1 de Abril, para no dia chegarem ao local e ser mentira.

Estas brincadeiras ficaram de tal forma virais, que passou a ser uma tradição, não só em França como em todo o mundo.

 

Dia das Mentiras pelo Mundo

Este dia é comemorado em muitos países. Em França, Itália e Bélgica, as pessoas celebram o dia tentando enfiar peixe de papel em alguém sem que eles percebam e gritando April Fish na sua língua. Na Dinamarca o Dia das Mentiras é comemorado no dia 1 de maio e é chamado Maj-Kat. Em Espanha e países de língua espanhola, o Dia das Mentiras celebra-se no dia 28 de dezembro o Dia dos Santos Inocentes. Na Escócia, a tradição tornou-se um evento de dois dias, começando com “à caça do gowk (tolo)”, em que as pessoas enviavam bilhetes falsos, o segundo dia era o Tailie Day, que envolvia brincadeiras como colocar caudas falsas nas pessoas ou colocar bilhetes nas costas dos outros, com mensagens divertidas. 

Nos dias de hoje, as pessoas esforçam-se bastante para criar partidas elaboradas para o dia das mentiras. Jornais, estações de rádio e TV e sites já participam na tradição através da criação de noticias falsas de forma a brincar com o público.

As brincadeiras do Dia das Mentiras devem ser feitas por diversão e não destinadas a prejudicar ninguém. As melhores piadas são as inteligentes, onde todos riem, especialmente a “vitima”.

 

Science4you 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *